Viu Review - Primeiras impressões - "Invasion" é a Apple ganhando identidade

Bem-vindo ao Blog da Viu Review

Segunda, 25 Outubro 2021 15:30

Primeiras impressões - "Invasion" é a Apple ganhando identidade

Escrito por
Rate this item
(0 votes)

Nova série da AppleTV+ transforma a clássica premissa de invasão extraterrestre em um discurso existencial interessante, embalado por uma produção de altíssimo nível artístico e técnico. Confira:

Se você espera que "Invasion" siga a linha de grandes sucessos de ação da Prime Vídeo como "A Guerra do Amanhã" ou "Destruição Final", a chance de você se decepcionar é enorme. Não pelo falo de não existir conexões entre os três títulos, muito pelo contrário, existem várias similaridades no que diz respeito aos elementos narrativos, mas o gênero é o fator que mais impacta nessa diferenciação - pelo menos nos três episódios já liberados pela maçã! 

A nova série da AppleTV+ é inspirada no clássico "Guerra dos Mundos", de HG Wells, e tem a história contada pela perspectiva de diversas pessoas ao redor do mundo - na verdade a proposta conceitual de "Invasion" é mostrar uma série de eventos em "tempo real" através dos olhos de cinco pessoas comuns que lutam para entender o caos que se desenrola quando uma invasão alienígena começa a mudar a vida da humanidade. 

"Invasion" não é uma série de ação, é um drama - o foco está muito mais em trazer a veracidade de um realismo hipotético a partir de uma situação completamente fantasiosa. Se uma invasão alienígena acontecesse, como as pessoas reagiriam no mundo de hoje? Essa busca pelo realismo transporta automaticamente a audiência para discussões que envolvem muito mais as relações humanas e o momento de vida de cada um dos personagens, do que o receio de ser devorado por criaturas monstruosas. Nos três primeiros episódios, fica perceptível um certo desalinhamento entre a expectativa e a realidade, já que apresentação dos personagens é bem lenta, posicionando o drama de uma forma bem mais cadenciada, quase poética - lembrou muito o finado projeto da Netflix, Sense8.

Inegavelmente que o tamanho e a qualidade da produção chamam a atenção - o que posiciona o serviço de streaming da Apple muito mais próximo da HBO Max do que da Netflix. A busca por essa enorme qualidade em detrimento da quantidade deixa claro que, nessa primeira fase de expansão do serviço, a AppleTV+ não quer jogar dinheiro no lixo para consolidar seu catálogo. A escolha de mesclar obras licenciadas com produções originais, passam pelo crivo da qualidade em absolutamente todos os títulos. Você pode até não gostar de um filme ou uma série do serviço, mas será difícil dizer que o projeto foi mal executado.

No elenco de "Invasion" temos Shamier Anderson (Awake), Golshifteh Farahani (Extraction), Sam Neill (Jurassic World: Domínio), Firas Nassar (Fauda) e Shioli Kutsuna (Deadpool 2). Já os 10 episódios são dirigidos pelo talentoso Jakob Verbruggen (dos ótimos "The Fall" e "O Alienista") com roteiros criados por Simon Kinberg (de "Logan" e "Perdidos em Marte").

O fato é que ainda é muito cedo para cravar que "Invasion" será um sucesso, mas, sinceramente, tem potencial para isso! Na nossa opinião, já é uma agradável surpresa por não cair no comum e buscar no mood  de "A Chegada", de Denis Villeneuve, uma inspiração para mudar a produção de patamar - reparem como fica impossível não constatar que a Apple está levando muito a sério sua proposta de se diferenciar em um mercado tão competitivo onde os valores de produção e de IP (propriedade intelectual) costumam separar os protagonistas dos coadjuvantes.

A Apple não nasceu para ser coadjuvante!

Pode ir sem medo, porque os dramas bem estruturados justificam a empolgação pelo que virá.

 

Read 103 times Last modified on Segunda, 25 Outubro 2021 18:47

Cookies: a gente guarda estatísticas de visitas para melhorar sua experiência de navegação, ao continuar navegando você concorda com a nossa Política de Privacidade.